quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Essa coisa de amor


Ela vai te corroer
Sufocar
Te fazer suplicar
E morrer

todo dia.

Ela vai te fazer olhar pro lado
ver quem ama amar o outro do outro lado
E você vai chorar

todo dia.

e na noite fria
um coitado vai bater à tua porta
Relembrando mais uma, oh idiota
Que te ama em poesia.

e toda noite

você vai se trancar para o que está em volta
vai olhar para o outro  e outro não vai olhar de volta

enquanto o terceiro tenta esquecer essa tripla agonia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário