quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Insiste

De vez em quando
me deixa ser
O travesseiro
entre teus braços
na hora
de dormir

Nenhum comentário:

Postar um comentário