terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Trago o último trago

sua juventude
os carros que passam
a fumaça

a fumaça do meu cigarro

tudo efêmero
tudo nem percebi

quando menos se espera
eis ai
o temido e esperado
último trago

Nenhum comentário:

Postar um comentário